sexta-feira, 6 de julho de 2007

Cidadão livre

Não costumo responder a posts críticos sobre mim ou sobre os meus actos, nem o farei, excepto se circunstâncias muito graves a isso me obrigarem.
Ao expor-me num forum deste tipo aceito como natural as opiniões divergentes da minha, mas jamais aceitarei que alguns me pretendam fazer refém da minha condição profissional, presente ou passada, ou da minha militância de qualquer tipo.
Sempre pensei pela minha cabeça e nunca aceitei, independentemente dos cargos ou situações, dogmas ou ideias e práticas com as quais não me identifico.
Em décadas que já levo de cargos públicos sempre pus acima dos meus interesses pessoais o interesse geral e honro-me de ter saído sempre pelo meu pé quando os mandatos terminaram ou quando decidi sair e de ter realizado avaliações sobre o meu trabalho.
Para aqueles que agora se esforçam em tentar encontrar contradições entre o meu desempenho enquanto DREC e as opiniões críticas que aqui tenho expendido, aconselho que leiam com atenção o que então fui escrevendo em artigos e textos de orientação enviados para as escolas e que consultem o Relatório de Avaliação realizado junto de todos os cerca de 250 Conselhos Executivos da Região Centro onde 0,96% consideraram o meu trabalho insatisfatório, 12,92% satisfatório, 60,29% bom e 25,84% muito bom.
Por outro lado, o facto de ser militante do PS não me inibe de criticar o Governo nem o que acho que deve ser criticado ou não merece a minha aprovação.
Continuarei, pois, como até aqui, fazendo o meu caminho, e com as pedras que for encontrando farei um "castelo".