segunda-feira, 3 de setembro de 2007

Novo ao lectivo

Estou de volta. O blogue terminou as férias, permitiu-se mais de um mês, teve mais sorte do que eu que não fui além dos quinze dias, e trouxe-me com ele.
Este é o ano de todos os desafios. No não superior a "revolução dos titulares", com todas as polémicas e expetactivas desencontradas. Uns que sim, vai ser uma grande mudança, outros que não, vai ficar tudo na mesma. Na mesma não vai ficar, isso é certo, agora até onde vai a mudança só os astros ou o futuro. Cada um que escolha a alternativa mais ajustada ao seu quadro de valores.
No superior o novo regime jurídico vai originar profundas mudanças; aqui é certo que muito vai ser mudado. É uma época que termina e um novo ciclo que se abre. As expectativas são altas. Da composição do corpo docente, à organização das instituições, da gestão dos orçamentos à internacionalização, muito vai ser diferente.
Para o IPleiria os desafios tornam-se ainda maiores. Na sequência da excelente avaliação da EUA, a fasquia já alta tem de ser ainda mais elevada. Novos estatutos, novas equipas directivas, reforço da coesão e organização internas, docentes ainda mais qualificados, formações mais diversificadas, captação de novos públicos, relações internacionais mais amplas e sólidas. O IPleiria vai-se afirmando como um dos mais importantes players regionais. É o futuro de uma instituição e o seu impacto regional que estamos a ajudar a construir.