sábado, 20 de fevereiro de 2010

A ética do Serviço Público

Os acontecimentos das últimas semanas, independentemente dos juízos que cada um possa fazer sobre os mesmos, deixaram claro a teia de interesses que rodeiam todos os que se movimentam na órbita do Poder.
As revelações vindas a público mais não fazem do que confirmar a existência de grupos, institucionalmente dominantes, que se servem do Estado e que o usam em seu proveito, servindo-se do voto e da boa-fé dos cidadãos para legitimar um poder iníquo e imoral.
É, pois, urgente e indispensável, observar a ética do Serviço Público como primeira condição para se exercerem cargos de Estado, com sentido de serviço à comunidade e não em benefício próprio.